OCI advoga ajudas urgentes para vítimas da seca na Somália

Djeddah, Árabia Saudita (PANA) – A Organização da Cooperação Islâmica (OCI)  lançou, domingo, um apelo urgente a todos os países-membros para ajudarem as vítimas da seca na Somália.

Num comunicado, a OCI advoga uma intervenção rápida antes de a situação humanitária se agravar e escapar ao controlo.

Segundo a nota, a sua representação na Somália está inteiramente em condições de cooperar para transportar as ajudas humanitárias para as províncias vítimas da seca.

O apelo da OCI surge pouco após o do Presidente somalí, Hassan Sheikh Mahmoud, em novembro último que vai no mesmo sentido.

Uma onda de seca abalou largas províncias da Somália devido ao atraso de chuvas registado durante cinco épocas, o que provocou uma nova catástrofe humanitária na maioria das localidades do país, nomeadamente as do centro e do norte, lembrando a catástrofe humanitária de 2011.

A OCI avaliou o número das vítimas em 760 mil pessoas em todas as localidades da Somália nomeadamente vastos territórios da Somalilândia e da Puntlândia, mas também as localidades de Hiiran, de baixa Juba, etc…

-0- PANA AD/IN/JSG/FK/DD  5dez2016

05 Dezembro 2016 15:22:52


xhtml CSS