Nações Unidas realizam concertação para pôr termo a violências na Líbia

Tripoli, Líbia (PANA) - O vice-presidente da Missão de Apoio das Nações Unidas para a Líbia (MANUL), Ismaïl Ould Cheikh Ahmed, lidera uma delegação em Tripoli para consultas com as milícias rivais em conflito e as outras partes para pôr termo aos combates na capital líbia, anunciou um comunicado da MANUL.

Ismaïl Ould Cheikh Ahmed, que é o coordenador residente para os Assuntos Humanitários na Líbia, vai proceder igualmente a uma avaliação das necessidades humanitárias e estudará as alternativas suscetíveis de reduzir os sofrimentos dos civis inocentes devido a bombardeamentos, deslocações forçadas e penúrias de produtos alimentares, bem como a interrupção dos serviços básicos, precisa a MANUL.

Confrontos opõem desde 13 de julho ex-rebeldes de Zenten, que controlam o aeroporto de Tripoli desde a destituição em 2011 do regime de Muamar Kadafi, e ex-rebeldes de Misrata apoiados por elementos da Câmara dos Revolucionários da Líbia, de obediência islamita.

Estes confrontos provocaram penúrias de combustível, de eletricidade, de água e de produtos alimentares, enquanto lixos se amontoa nas ruas.

Quarta-feira, o Parlamento líbio exortou os beligerantes a observar um cessar-fogo imediato e incondicional e ameaçou tomar medidas coercivas.

-0- PANA BY/JSG/MAR/TON  08agosto2014

08 Agosto 2014 16:49:54




xhtml CSS