CEDEAO solidária com Guiné por morte de chefe do Estado-Maior das Forças Armadas

Abuja, Nigéria (PANA)   - O presidente da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), Kadré Désiré Ouédraogo, dirigiu uma mensagem de condolências ao Presidente guineense, Alpha Condé, na sequência da morte de 12 oficiais militares guineenses, incluindo o chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas, o general Souleymane Diallo, num acidente de helicóptero segunda-feira em Monrovia, a capital da Libéria.

Em nome da Comissão, Kadré Ouédraogo manifestou as suas sinceras condolências e a sua solidariedade com o Governo, o povo e as Forças Armadas da Guiné, bem como com as famílias dos oficiais e dos membros da tripulação falecidos, que se deslocavam para as celebrações do Dia das Forças Armadas da Libéria, segundo um comunicado transmitido quarta-feira à PANA.

A Comissão ressalta que o general Diallo serviu o seu país e a Comunidade com mérito, nomeadamente através das suas contribuições para o trabalho da Comissão Regional dos Chefes dos Estatos-Maiores.

"A sua morte e dos seus compatriotas militares surge num momento em que a região explora a sua perícia militar para enfrentar os desafios emergentes em matéria de segurança", constatou a Comissão da CEDEAO.

-0- PANA SEG/NFB/TBM/CJB/TON  13fev2013

13 Fevereiro 2013 15:32:26




xhtml CSS