Agência Panafricana de Notícias

OMS precupada com aceleração de casos de Covid-19 em África

 

Brazzaville, Congo (PANA) - A Organização Mundial de Saúde (OMS) manifesta-se preocupada com a aceleração dos casos do Covid-19 (coronavírus) em África, declarou sexta-feira em Brazzaville a diretora regional da instituição para o continente, Matshidiso Moeti.

Em declaração à imprensa, Moeti considerou que o número de casos de coronavírus está a aumentar exponencialmente na região africana.

"Com mais de seis mil casos de Covid-19 notificados em África, a OMS considera que o vírus ameaça os frágeis sistemas de saúde do continente", alertou.

"As infeções estão a alastrar-se cada vez mais, não só entre países africanos, mas também em diferentes localidades dos países mais gravemente afetados", lamentou.

Na República Democrática do Congo (RDC), por exemplo, onde os casos desta pandemia estavam inicialmente confinados em Kinshasa, a cidade capital, a OMS afirmou que foram comunicados alguns casos em zonas mais orientais do país, que estavam, até há pouco tempo, afetadas por uma epidemia de Ébola.

Na África do Sul, todas as províncias já notificaram casos, deu a conhecer Moeti, acrescentando que os surtos no Burkina Faso, nos Camarões e no Senegal também se expandiram muito.

"Foram necessários 16 dias, desde o primeiro caso confirmado na região, para se chegar a 100 casos. Foram precisos mais 10 dias para se alcançar os primeiros mil. Três dias depois havia dois mil casos, e dois dias depois estávamos até três mil casos", diz a OMS.

Para conter o Covid-19, muitos países africanos estão a implementar medidas que limitam aglomerações e a circulação de pessoas, referiu.

No entanto, prosseguiu, a OMS precisa que os Governos devem utilizar uma abordagem ponderada e baseada em provas e fazer com que as populações possam continuar a ter acesso a bens de primeira necessidade.

-0- PANA MB/DIM/DD 03abril2020