Itália defende maior presença dos Estados Unidos na Líbia

Roma, Itália (PANA) – O primeiro-ministro italiano, Paolo Gentiloni, defendeu “uma mais forte participação política e económica” dos Estados Unidos na Líbia para "mais estabilidade” neste país.

A Itália considera que a presença mais acrescida dos Estados Unidos na Líbia representa uma condição significativa "para se fazer face à existência do djihadismo (islamismo) na Líbia e aos traficantes de seres humanos", afirmou Gentiloni citado por várias cadeias de televisão italianas.

O governante norte-americano afirmou que a Itália desempenha "um papel decisivo “ na Líbia.

-0- PANA YY/IN/FK/DD 15fev2018

15 Fevereiro 2018 10:39:08


xhtml CSS