Instituições financeiras internacionais disponibilizam 5,5 biliões de euros para Tunísia

Tunis, Tunísia (PANA) - Doadores internacionais de fundos acabam de disponibilizar, para a Tunísia, 5,5 mil milhões de euros em financiamento, dos quais 2,5 mil milhões programados sob a forma de subvenções e empréstimos, para o período 2018-2019, soube-se de fonte oficial na capital tunisina.

O anúncio foi feito quinta-feira pelo comissário europeu para o Alargamento e Política Europeia de Vizinhança, Johannes Hahn, em Túnis, onde chegou para uma visita oficial à Tunísia.

Hahn discursava numa conferência de imprensa à frente de uma delegação composta por representantes de várias instituições financeiras, incluindo o Banco Mundial (BM), o Fundo monetário internacional, o Banco Europeu de Investimento, o Banco Africano de Desenvolvimento e o Banco Europeu para a Reconstrução e o Desenvolvimento.

A Tunísia depende em grande parte, desde a insurreição popular de 2011, dos empréstimos externos para reforçar o seu orçamento e garantir suas despesas públicas, o que a levou ao cúmulo de dívidas, a enfrentar, desde então, uma crise económica e uma instabilidade política.

As dívidas externas da Tunísia, que não ultrapassavam, em 2010, 37 porcento do Produto Interno Bruto (PIB), representam atualmente 73 porcento e refletem o fracasso de diferentes governos que se sucederam no país.

-0- PANA YY/IN/DIM/DD 13julho2018


13 Julho 2018 13:07:58


xhtml CSS