Incidentes trágicos e politicos dominam imprensa no Gana

Accra, Gana (PANA) - A imprensa ganense cobriu uma série de incidentes trágicos que despertaram a simpatia da população, nomeadamente a implicação de rapazes afogados logo depois de receber o seu diploma do ensino primário (BECE).

Ao titular "Um rapaz de 16 anos de idade afogados após o BECE", o Ghanian Times (jornal ganense) anuncio que este rapaz, Joseph Kwabena Dankwa, se afogou, segunda-feira última, em Titanic Beach (praia) de Tema, quando festejava o seu sucesso escolar com seus colegas da turma dos quais um fazia anos no mesmo dia.

O  Times explica que Dankwa e os seus colegas tinham previsto ir à praia antes de terminar o passeio com um jogo de futebol.  Uma vez na praia, pescadores desaconselharam-os de nadar porque o mar estava bravo e eles obedeceram.

No entanto, durante o jogo de futebol, um deles chutou a bola para a água e Joseph correu para a apanhar, mas foi arrastado por ondas do mar, noticiou o Ghanian Times.

"Um rapaz de 15 anos morreu após ter obtifdo o seu BECE", anunciou por sua vez o Graphic (diário governamental), citando uma fonte policial.

Um adolescente de 15 anos de idade, natural da região de Takoradi, no oeste do país, morreu prematuramente, logo depois de passar o seu BECE. A morte ocorreu, quando uma árvore abatida por um caçador furtivo com uma serra elétrica, caiu subitamente sobre um táxi estacionado numa inclinação onde a vítima estava.

O caçador derrubou várias árvores bloqueando a estrada. O taxista tinha parado antes de encontrar uma maneira de evitar as árvoresabatidas mas o caçador furtivo cortou outra que caiu sobre o carro resultando na morte do rapaz que acaba de terminar os seus estudos primários.

O Times conta uma outra história trágica com o título  "Recruta morre depois do treino", ligada a um jovem militar de 23 anos da escola de formação, William Kwaku Anumu, morto, segunda-feira, após uma marcha de resistência.

O jovem Anumu desmaiou durante o desfile, após uma marcha de nove quilómetros e foi transferido para uma clínica onde faleceu, noticoiu o jornal ganense, citando igualmente uma fonte policial.

O jornal “Graphic” por sua vez, relatou uma história insólita intítulada "Mãe afoga a filha".

Segundo o jornal, uma menina de 10 anos de idade, aluna de uma escola primária, morreu assassinada monstruosamente pela mãe em circunstâncias estranhas. Memuna Salem, a mãe, te-la-ia forçado a mergulhar a cabeça num recipiente cheio de água até quando a menina ficou inanimada.

Memuna teria cometido este crime horrível quando a filha se preparava para ir à escola., de acordo com o Graphic.

O jornal afirma que segundo a polícia, Memuna tinha sido aprisionada em 2009 por ter cometido um crime semelhante contra dois dos seus filhos, mas daquela vez foi num poço de água.

Durante o seu julgamento, o juiz ordenou o seu internamento num hospital psiquiátrico onde se confirmou que ela sofria de um desequilíbrio mental.

Por outro lado, o Graphic relatou também a não introdução do voto eletrónico nas eleições de 2012 com o título “Não de voto eletrónico em 2012”.

O jornal sublinha que a Comissão Eleitoral (EC) deixou claro que o voto eletrónico (e-voting) não será possível para as eleições gerais de 2011, tendo em conta a sua incompatibilidade.

No entanto, ele indica que o registo biométrico é mais suscetível de ser utilizado em 2012.

O vice-presidente da EC, David Adende Kanga, deu a conhecer este fato após uma reunião com líderes de quatro partidos políticos representados no Parlamento ganense, durante a qual ele considerou que a Nação deve avançar lentamente em relação ao voto eletrónico.

"O voto eletrónico não acontecerá em 2012. Pensamos que é preciso incentivar as instituições e as empresas a começarem a usar o e-voting )voto elétronico) para as suas próprias eleições internas a fim de habituar as pessoas a esta nova tecnologia, para que, quando a comissão estiver pronta para a implementar a nível nacional, as pessoas saibam dizer se dá ou não", frisou.

Ele alertou que se o e-voting for utilizado imediatamente, poderá haver um malentendido no termo das eleições e algumas pessoas poderão não aceitar os resultados eleitorais.

-0- PANA MA/VAO/NFB/JSG/CCF/DD 24abr2011

23 Abril 2011 15:13:55


xhtml CSS