Ilhas Maurícias mobilizam-se contra assédio sexual

Port-Louis- ilhas Maurícias (PANA) -- Uma campanha de sensibilização ao assédio sexual nos veículos de transporte coletivo foi lançada sexta-feira em Port-Louis, constatou a PANA no local.
Falando durante a cerimónia do lançamento desta operação, a ministra maurícia do Bem-Estar da Família, Desenvolvimento da Infância e Igualdade do Género, Sheilabai Bappoo, disse que o assédio sexual, que aconteça nos autocarros, em casa ou num escritório, é "um ato repreensível e uma vergonha para um país civilizado".
Ela pediu às Organizações Não-Governamentais (ONG), à sociedade civil e às organizações comunitárias para denunciarem este mal.
O ministério maurício do Bem-Estar da Família, Desenvolvimento da Infância e Igualdade do Género mandou editar uma brochura intitulada "Romper o silêncio sobre o assédio sexual nos transportes coletivos", destinada a ensinar as mulheres a se protegerem.

03 Setembro 2010 20:25:00


xhtml CSS