Visita do Presidente togolês ao Gana em destaque na imprensa

Lomé- Togo(PANA) -- A visita de 48 horas, terça e quarta-feira, do Presidente togolês, Faure Gnassingbé, ao Gana para "reforçar a cooperação" entre os dois países foi destacada pela imprensa local.
"Faure Gnassingbé no país de Atta-Mills para discutir sobre democracia e segurança", intitula o "Liberté tri-hebdo", que saúda as discussões entre os dois chefes de Estado sobre questões económicas, de democracia, segurança e energia.
Com o título "Faure em Accra para acalmar os espíritos?", o "Le Magma Libéré" pergunta-se se o chefe do Estado togolês foi a Accra para reparar um erro do seu ministro da Segurança.
Este último acusou recentemente o Gana de fabricar as armas ligeiras que circulam no Togo, declarações que, segundo o jornal, teriam criado um incidente diplomático entre os dois países.
O "La Chronique de la semaine" congratula-se com a "diplomacia da interpenetração de Faure Gnassingbé que permite aos povos ganense e togolês continuar calmamente as suas actividades".
O semanário fustiga, entretanto, alguns "maus espíritos" que desejam relações sempre conflituosas entre o Togo e o Gana, que conheceram no passado diversas crises.
Para o diário governamental "Togo presse", os dois Presidentes, através desta visita do chefe do Estado togolês, "abrem uma nova página nas relações entre os seus dois países".

29 Agosto 2009 10:39:00


xhtml CSS