União Africana pede fim de bombardeamentos em Dafur

Addis-Abeba- Etiópia (PANA) -- O presidente da Comissão da União Africana (UA), Alpha Oumar Konaré, apelou quinta-feira em Addis-Abeba para o fim imediato dos bombardeamentos efectuados nestes últimos dias pela aviação militar sudanesa contra algumas localidades de Darfur (oeste Sudão).
"Pedimos o fim imediato destes bombardeamentos dos quais os mais recentes incidiram sobre a zona da capital de Darfur, El Fasher", disse Konaré.
Falando numa conferência de imprensa no final da III sessão ordinária da Assembleia-Geral da União Africana (UA), Konaré lamentou o facto da missão da União, encarregue de observar o cessar-fogo em Darfur, não poder deslocar-se ao local.
Indicou que o governo sudanês tinha prometido tomar todas as disposições necessárias para que os elementos da missão da UA fizessem corectamente o seu trabalho.
"Se uma situação desta natureza se repetir, tomaremos nota imediatamente, e tomaremos as decisões que se impõem", avisou Konaré.
Convidou as autoridades sudanesas a fazerem tudo para que a missão dos observadores panafricanos pudesse desdobrar-se livremente no terreno, em conformidade como seu mandato.
Ao evocar as negociações sobre Darfur que se iniciam a 15 de Julho, em Addis Abeba, entre os representantes do governo sudanês e os dois movimentos rebeldes, o presidente Konaré interrogou-se se tais negociações "não vão ser comprometidas" pela continuação dos bombardeamentos e ataques das milícias árabes Djandjawid contra os civis da região.

08 Julho 2004 22:33:00




xhtml CSS