União Africana opõe-se à guerra contra o Iraque

Addis Abeba- Etiópia (PANA) -- Líderes africanos expressaram a sua oposição ao iminente ataque contra o Iraque liderado pelos Estados Unidos, alegando que deve ser dada oportunidade às Nações Unidas para explorar as formas de resolver a crise pacificamente.
O órgão central do Mecanismo da União Africana para a Prevenção, Gestão e Resolução de Conflitos exprimiu segunda-feira a sua "profunda preocupação com a crescente tensão internacional devido a questão do desarmamento do Iraque.
" O líder líbio, Coronel Moammar Khadafi, também exprimiu as suas preocupações com a guerra, que considerou ser contra os interesses do mundo.
Kadhafi disse segunda-feira à noite durante uma conferência de imprensa que a crescente oposição mundial a guerra contra o Iraque era um sinal claro de que os Estados Unidos estavam a "a agir erradamente".
Num comunicado, a UA referiu que uma guerra contra o Iraque teria inúmeras consequências económicas para todos os países do mundo e, em particular, para África.
O comunicado apelou ao respeito das resoluções das Nações Unidas sobre a questão da inspecção de armamento, tendo instado o Presidente Saddam Hussein a cooperar com os inspectores.
"O órgão central declara que a integridade territorial do Iraque deveria ser respeitada e sublinha que todos os meios diplomáticos deveriam ser prosseguidos pela comunidade internacional para garantir que o Iraque cumpra totalmente com as disposições da resolução 1441", salientou o documento.
Adiantou que "qualquer nova decisão sobre o assunto deveria emanar do Conselho de Segurança da ONU, depois de uma consideração do relatório final da equipa de inspecção".
A posição da UA surge na sequência de recentes divergências entre o ex-Presidente sul-africano, Nelson Mandela, e o Presidente dos Estados Unidos, George W.
Bush, sobre a crise no Iraque.
Mandela havia criticado duramente Bush, alegando que o Presidente norte-americano estava determinado a lançar o mundo numa guerra evitável.

04 Fevereiro 2003 12:37:00




xhtml CSS