UEMOA chamada a consagrar 10 porcento do orçamento ao investimento agrícola

Niamey, Níger (PANA) – Os Estados-membros da União Económica e Monetária Oeste-Africana foram instados, esta quinta-feira, em Niamey (Níger), pelo Comité Inter-Parlamentar da organização (CIP-UEMOA),  a reservar pelo menos 10 porcento do seu orçamento de investimento ao desenvolvimento da agricultura, à promoção do controlo da água e ao investimento no desenvolvimento dos ordenamentos hidroagrícolas, de conservação e de restauração dos solos.

Numa declaração divulgada no termo de um seminário de informação sobre a situação agrícola e alimentar no espaço da UEMOA, os deputados pediram igualmente aos Estados as reformas institucionais necessárias, reforçando ao mesmo tempo o papel e as capacidades dos jovens, das mulheres e das organizações camponesas, e contribuindo para o desenvolvimento de infraestruturas da agricultura irrigada.

O CIP pediu, por outro lado, aos Estados a participação dos agricultores na repartição dos custos, no funcionamento e na manutenção dos equipamentos e a disponibilização à Comissão da UEMOA do equivalente a 12 mil hectares de terra para fins agro-silvo-pastoris e haliêuticos.

Durante três dias, os deputados membros do CIP trabalharam em sessões plenárias e em grupos em torno das exposições dos peritos da Comissão da UEMOA.

Trocaram ideias sobre os diferentes programas elaborados e aplicados pela Comissão para a melhoria da produção agrícola.

-0- PANA SA/JSG/FK/IZ 19julho2012

19 Julho 2012 16:57:32


xhtml CSS