UE condena ataque de rebeldes Shabab perpetrado em Mogadíscio

Bruxelas, Bélgica (PANA) – A União Europeia (UE)  condena o novo ataque à viatura armadilhada perpetrado por rebeldes Shabab em Mogadíscio e que causou a morte de pelo menos 22 pessoas.

Num comunicado transmitido à imprensa, a UE sublinha este ataque suicida «constitui uma tentativa de fazer fracassar o processo de paz na Somália rumo à democracia e à construção dum Estado após décadas de distúrbios e de guerra civil ».

A UE apresenta as suas condolências às famílias das vítimas indicando que « o próximo processo eleitoral será determinante para eleições democráticas de sufrágio universal em 2020 na Somália, indica o documento.

-0- PANA AK/TBM/FK/DD 5set2016

05 Setembro 2016 11:57:08




xhtml CSS