UE concede assistência humanitária suplementar à Côte d'Ivoire

Bruxelas, Bélgica (PANA) - A União Europeia (UE) decidiu dar 39 milhões de euros para a assistência humanitária suplementar às vítimas da crise na Côte d'Ivoire, anuncia um comunicado dos serviços da Comissão Europeia.

Esta decisão foi tomada na sequência de um relatório da missão de peritos europeus enviados ao terreno na Cote d'Ivoire, de acordo com a fonte.

Composta por especialistas da saúde, da proteção do ambiente, da água, das condições  sanitárias e alimentares, esta missão analisou, principalmente, a situação no oeste ivooriense e em Abidjan, a capital económica do país, que constituem as áreas mais afetadas pelos combates, lê-se na no documento.

O relatório diz que a prioridade consistiu em identificar rapidamente as necessidades humanitárias imediatas, trabalhando com autoridades locais e parceiros na ajuda ao desenvolvimento, para fortalecer a capacidade institucional local para a transferência, a médio prazo, da gestão da prestação de serviços básicos.

A mesma fonte revela que milhares de pessoas ainda não têm acesso aos produtos e  serviços básicos, incluindo alimentos, a água e cuidados médicos.

Os créditos concedidos pela UE serão geridos por agências da Organização das Nações Unidas (ONU) que operam na Côte d'Ivoire, por  Organizações Não Governamentais (ONG)  humanitárias parceiras da UE e pela Cruz Vermelha, precisa o comunicado.

-0- PANA AK/AAS/IBA/CCF/DD 19abril2011

19 april 2011 22:29:40




xhtml CSS