UE concede 750 mil Euros para a luta contra a SIDA no Congo

Brazzaville- Congo (PANA) -- A União Europeia (UE) concedeu um crédito de 750 mil Euros(quase o mesmo valor em dólares), destinados a implementação no Congo de um projecto de reinserção escolar e de luta contra o abuso das drogas, as Infecções sexualmente transmissíveis (IST) e HIV/SIDA.
Segundo um comunicado de imprensa a que a PANA teve acesso, este gesto inscreve-se no quadro da contribuição da UE e do UNESCO (Fundo das Nações Unidas para educação, ciência e cultura)para consolidação da paz na República do Congo.
O projecto será conjuntamente executado por estas duas instituições e o ministério congolês do Planeamento, Administração do território e Integração económica, coordenador nacional do Fundo europeu de desenvolvimento (FED).
Uma equipa de 200 pessoas está encarregue de executar este projecto, em 18 meses, para levar a cabo o programa de alfabetização dos jovens que vivem nas zonas afectadas pelos conflitos armados e catástrofes naturais.
O projecto deverá igualmente ajudar na formação dos formadores permantes, na organização de campanhas de sensibilização contra o uso de drogas, na despitagem da SIDA e Infecções sexualmente transmissíveis (IST), no ensino da instrução cívica e na realização dos trabalhos de rehabilitação de escolas.
O financiamento deste projecto incluí a execução do 8º FED, em conformidade com o artigo 255 da convenção de Lomé IV revista.
Concretiza o compromisso da delegação da Comissão europeia em Brazzaville, da UNESCO e do governo congolês a favor da reconstrução do país detruído pelas guerras.

05 Fevereiro 2003 11:13:00


xhtml CSS