UA condena ataque terrorista contra comissão eleitoral em Tripoli

Addis Abeba, Etiópia (PANA) - O presidente da Comissão da União Africana (CUA), Moussa Faki Mahamat, condenou firmemente o ataque terrorista contra a Comissão Eleitoral Nacional líbia, em Tripoli, a 02 de maio de 2018, no qual 14 pessoas morreram e várias outras ficaram feridas, incluindo membros do pessoal da comissão e polícias.

"O presidente está consternado por este ataque vil contra as instalações da comissão eleitoral e a perda trágica de vidas enquanto uma afronta ao povo e ao Governo da Líbia que mancha igualmente os esforços desdobrados para preparar este país para a reconciliação nacional e eleições gerais", refere um comunicado da CUA distribuído esta sexta-feira.

Mahamat apresentou as suas condolências às famílias dos desaparecidos, bem como ao povo e ao Governo da Líbia.

Reafirmando a disposição e o engajamento da UA em lutar contra o flagelo do terrorismo, ele prometeu igualmente o seu apoio ao Governo da Líbia para garantir que o país permaneça na via da paz, da segurança e do desenvolvimento e que continue a trabalhar com a comunidade internacional para o esforço mais amplo de luta contra a erradicação completa do terrorismo e para o regresso do país a uma paz duradoura e ao desenvolvimento.

-0- PANA AR/FJG/IS/MAR/IZ 04maio2018

04 Maio 2018 19:27:28




xhtml CSS