Três africanas distinguidas nos Estados Unidos

Nova Iorque, Estados Unidos (PANA) - O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, vai entregar sexta-feira, em Washington, a 10 mulheres excecionais, das quais três africanas, o Prémio Internacional Mulher de Coragem, anunciou esta terça-feira o Departamento de Estado num comunicado.

Segundo o comunicado, transmitido à PANA em Nova Iorque, a Primeira Dama norte-americana, Michelle Obama, será a convidada de honra da cerimónia.

As três africanas na listas das premiadas de 2013 são Josephine Obiajulu, presidente da Campanha  para a Democracia  (Nigéria), Samira Ibrahim, coordenadora de “Know Your Rights” (Egito) e Fartuun Adan, diretora executiva do “Elman Peace and Human Rights Centre” (Somália).

As outras laureadas são Malalai Bahaduri, sargenta da «Afghan National Interdiction Unit » (Afeganistão), Julieta Castellanos, reitora da Universidade Nacional Autónoma das Honduras (Honduras), Elena Milashina, jornalista, militante dos direitos humanos (Rússia), Tsering Woeser (Wei Se), autora, poeta e blogger tibetana (China), Razan Zeitunah, advogada dos direitos humanos e fundadora dos Comités de Coordenação Locais (Síria), Ta Phong,  blogger (Vietname) e a finada militante Nirbhaya « Fearless » (Índia).

O Prémio Internacional Mulher de Coragem recompensa cada ano as mulheres no mundo que demonstraram coragem e liderança excecionais na defesa dos direitos humanos e na responsabilização das mulheres, muitas vezes ao se expor a grandes riscos.

Desde a sua criação em 2007, o Prémio foi atribuído a 67 mulheres de 45 países diferentes, segundo o comunicado.

-0- PANA AA/SEG/FJG/JSG/IBA/FK/TON 05março2013

05 Março 2013 15:37:43


xhtml CSS