Togo recebe 22,5 biliões de FCFA para educação

Lomé- Togo (PANA) -- O Fundo Catalítico da Iniciativa Fast Track-Educação para Todos concedeu ao Togo 22,5 biliões de FCFA (um dólar americano equivale a cerca de 480 FCFA) para o setor da educação, no âmbito do Projeto de Educação e Reforço Institucional (PERI), soube a PANA de fontes oficiais.
A Iniciativa Fast Track-Education para Todos (IFT-EPT) foi lançada em 2002 e constitui uma parceria entre doadores de fundos e países em via de desenvolvimento para lhes permitir beneficiar de financiamentos e de apoios mais duradouros pelas vias bilaterais e multilaterais, ajudando-os deste modo a reduzir o défice de financiamento.
O projeto, que vai durar três anos, tem como principais eixos o acesso à educação, a melhoria da qualidade do ensino e o reforço da capacidade institucional dos atores encarregados da educação.
Ele permitirá ao Togo construir 815 salas de aulas, fornecer 1,5 milhão de manuais escolares e guias pedagógicos para as escolas primárias, construir três novas escolas normais superiores, subvencionar os estabelecimentos escolares num montante de 2,5 biliões de FCFA, bem como melhorar e reforçar as capacidades da equipa de pilotagem do sistema de educação.
Os documentos para esta doeção foram assinados pelo ministro togolês da Economia e Finanças, Adji Otèth Ayassor, e pelo representante residente do Banco Mundial no Togo, Hervé Assah, coordenador dos parceiros para este projeto.

30 Outubro 2010 18:33:00


xhtml CSS