Surfista marroquino vence campeonato africano realizado em Cabo Verde

Praia, Cabo Verde (PANA) - O surfista marroquino Abdel El Harim sagrou-se campeão do Circuito Oeste Africano de Surf cuja final foi realizada, domingo, em Ponta Preta, na ilha cabo-verdiana do Sal, apurou a PANA de fonte desportiva.

Apesar de não ter ganho a etapa do Sal, o marroquino Abdel El Harim sagrou-se campeão africano ao obter a melhor pontuação no cômputo das três fases do circuito, realizadas, sucessivamente, em Marrocos, Senegal e Cabo Verde.

O segundo lugar da prova foi conquistado pelo também marroquino Chadi Lahrioui, tendo o cabo-verdiano Matchú Lopes, que apenas participou nesta última etapa, conseguido o terceiro lugar que partilha com o senegalês Sheriff.

Abdel El Harim disse ter ficado muito feliz com o título de primeiro campeão africano de surf, conquistado no Sal, tendo destacado a convivência “simplesmente incrível” com os senegaleses e os cabo-verdianos.

O fundador do African Tours e presidente da Federação Senegalesa de surf, Oumar Seye, faz balanço positivo do circuito, lamentando, entretanto, os transtornos provocados pela falta de ondas nos primeiros dias da prova.

“No nosso desporto não podemos controlar tudo já que dependemos das ondas e não controlamos o oceano”, lamentou.

Nos últimos 15 anos, Cabo Verde, mais concretamente as ilhas do Sal e da Boavista, adquiriram importância como destino turístico para a prática de desportos náuticos relacionados com o vento e as ondas.

O arquipélago já foi também palco de etapas do campeonatos do mundo de Wind Surf e Kietesurf, disciplinas em que o país, representado por Josh Ângulo, (wind surf) e por Mitu (kitesurf) conquistou os respetivos  títulos de campeão do mundo.

-0- PANA  CS/IZ 03fev2015


03 Fevereiro 2015 08:01:50


xhtml CSS