Sudão prende centenas de supostos traficantes de seres humanos

Cartum, Sudão (PANA) - Forças de segurança sudanesas prenderam uma gangue de presumíveis traficantes de seres humanos na planície de Butanah, no Estado de Gedaref, no leste do país, num total de 331 pessoas das quais 34 mulheres e três crianças, indicou terça-feira fonte bem informada.

De acordo com a agência noticiosa sudanesa (SUNA), as forças de segurança agiram em resposta a um relatório dos Serviços de Inteligência e após um acompanhamento preciso das suas ações.

Esta ação, decorrida segunda-feira, faz parte duma campanha levada a cabo pelas Forças Armadas sudanesas e outras congéneres no quadro de um plano de recolha coerciva de armas e combate às atividades prejudiciais e aos crimes internacionais graves, acrescentou a SUNA.

No entanto, a agência não mencionou a nacionalidade e o número de traficantes capturados nem as nacionalidades das vítimas.

A zona situa-se perto da Eritreia e da Etiópia, donde provém a maioria dos traficantes de seres humanos, mas também da Somália.

-0- PANA MO/VAO/NFB/DIM/IZ 08maio2018

08 Maio 2018 18:39:52


xhtml CSS