Sete Presidentes africanos na conferência sobre bacia do Níger

Paris- França (PANA) -- Sete Presidentes africanos participarão de 26 a 27 de Abril, em Paris, na cimeira da Autoridade da Bacia do Níger (ABN), anunciou o porta-voz do Ministério francês dos Negócios Estrangeiros, Hervé Ladsous.
Tratam-se de Mathieu Kérékou do Benim, Blaise Compaoré do Burkina Faso, Paul Biya dos Camarões, Amadou Toumani Touré do Mali, Mamadou Tandja do Níger, Olusegun Obasanjo da Nigéria e Idriss Déby do Tchad.
A Guiné e a Côte d'Ivoire serão representadas nesta conferência intitulada "Parceria Internacional para a bacia do Níger" respectivamente pelo primeiro-ministro François Loucény Fall e por uma entidade ivoiriense cuja identidade ainda não foi revelada, declarou à imprensa Ladsous.
Além disso, indicou que os parceiros de desenvolvimento estarão representados pelo presidente da Comissão Europeia Romano Prodi, o director-geral da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), Jacques Diouf e o director executivo do Programa das Nações Unidas para o Ambiente (PNUD), Klaus Topfer.
O Banco Mundial, o Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), figuram igualmente entre os participantes.
No termo de dois dias de discussões, a cimeira tornará pública uma "Declaração de Paris" relativa aos princípios da gestão partilhada dos recursos hídricos do Rio Níger que forma com os seus afluentes a terceira bacia hidrográfica do continente africano.
Cerca de 110 milhões de africanos vivem da agricultura, pecuária, pesca e navegação nas costas do rio Níger cujos problemas serão abordados durante a cimeira de Paris.

23 Abril 2004 19:07:00


xhtml CSS