São Tomé e Príncipe compra bois no Brasil

São Tomé, São Tomé e Príncipe (PANA) - O Governo santomense gastou 670 mil dólares americanos na aquisição de 110 cabeças de boi no Brasil para aumentar a produção e a produtividade, diminuindo a importância da carne avícola e dos seus derivados, soube a PANA segunda-feira de fonte oficial.

Os animais adquiridos no Brasil com o apoio do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) chegaram ao arquipélago na tarde de domingo e encontram-se no centro leiteiro de Nova Olinda, localizado na zona sul de São Tomé.

O ministro da Agricultura, Pescas e Desenvolvimento Rural, António Dias, que falava no aeroporto de São Tomé por ocasião da receção dos animais, disse que a sua distribuição vai merecer um critério rigoroso, pelo que a comissão para o efeito já foi criada.

A raça animal adquirida no Estado de Minas Gerais, no Brasil, tem como finalidade reforçar a performance genética das outras raças de bois existentes em São Tomé e Príncipe provenientes da Europa.

Para além do aumento da produção pecuária, a política visa reforçar a segurança alimentar em São Tomé e Príncipe e diminuir o consumo de carne de galinha e os seus derivados.

-0- PANA RMG/TON 22julho2013

22 Julho 2013 22:33:55


xhtml CSS