Salif Keita anula concerto em Jerusalém

Bamako, Mali (PANA) – O músico maliano Salif Keita anulou a sua participação no concerto previsto para sexta-feira última em Jerusalém (Israel) no quadro do Festival das Músicas Sagradas, afirmando ter sido ameaçado por um grupo pró-palestino que defendia o boicote israelita, noticiou esta terça-feira o diário privado maliano “Le Républicain”.

Esta anualação acontece algumas horas antes da partida da estrela maliana para a cidade santa de Jerusalém, tendo o cantor e o seu círculo denunciado nas vésperas, num comunicado, « ameaças, tentativas de chantagem, intimidação e perseguição nas redes sociais » por parte dos membros do grupo pró-palestino denominado BDS (Boicote, Desinvestimento, Sanções), precisa o jornal.

Criado em meados dos anos 2000, este grupo pró-palestino milita a favor do boicote político, económico e cultural do Estado de Israel e decidiu alargar a sua campanha de denegrição do artista maliano e « destruir a sua reputação » se este atuasse no Festival das Músicas Sagradas de Jerusalém, indicam os colaboradores do artista.

-0- PANA GT/SSB/IBA/FK/TON 27 agosto2013

27 Agosto 2013 20:50:44


xhtml CSS