Rwanda lança alerta de ameaça da febre hemorrágica de Marburgo

Kigali, Rwanda (PANA) – O Ministério rwandês da Saúde  emitiu um alerta público da febre hemorrágica do vírus de Marburgo, antes de lançar um apelo para a vigilância, numa altura em que as autoridades do país estão a tomar as medidas adequadas para evitar o surto do vírus mortal no país.

Este alerta foi lançado no Rwanda  pelas autoridades, segunda-feira, depois de o surto deste vírus ser confirmado no vizinho Uganda.

A Organização Mundial da Saúde (OMS)  indicou que a febre hemorrágica do vírus de Marburgo é uma doença altamente contagiosa  que se transmite de pessoa para pessoa e que se manifesta pela febre, por dores de cabeça, dos músculos  e das articulações, por anginas, pela fraqueza, por diarreias, vómitos abdominais e hemorragias a nível de todos os orifícios.

Na semana passada, as autoridades sanitárias ugandesas confirmaram a morte de uma pessoa, no leste do país, na sequência duma doença imputada à febre hemorrágica do vírus Marburgo.

O Uganda, lembre-se, esteve confrontado no passado com surtos da febre hemorrágica do vírus de Marburgo e uma epidemia de Ébola, em 2000, que matou mais de 200 pessoas no país.

O distrito de Kabale do Uganda situa-se na fronteira comum com o Rwanda onde alguns distritos como, nomeadamente, Gicumbu, Musanze e Burera, muito próximos do distrito fronteiriço ugandês,  são presentemente de alto risco.

Num comunicado, o Ministério rwandês da Saúde pediu ao público para assinalar todos os casos suspeitos  da febre hemorrágica do vírus de Marburgo.

-0- PANA TWA/MA/BAD/BEH/SOC/FK/IZ 24out2017

24 Outubro 2017 09:02:54


xhtml CSS