Responsável onusino defende igualdade de sexos em África

Dakar- Senegal (PANA) -- O representante sub-regional para a África Ocidental do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Mahamane Cisse-Gouro, estimou quarta-feira em Dakar que os Governos africanos devem envidar cada vez mais esforços para garantir a igualdade entre os sexos.
"Os Estados africanos devem comprometer-se a eliminar todas as formas de discriminação contra as mulheres e garantir a protecção dos direitos da mulher", declarou Cisse-Gourou durante um simpósio de dois dias sobre a harmonização do código da família com a Constituição senegalesa e as convenções internacionais.
Ele indicou que, reflectindo sobre a harmonização do código da família com a Constituição e os intrumentos internacionais e regionais, o Senegal compromete-se a adoptar e aplicar efectivamente as medidas legislativas e regulamentares apropriadas nesta matéria.
"Trata-se igualmente de reflectir sobre as normas legislativas que projectam a supressão na legislação de todos os textos discriminatórios contra as mulheres e crianças contrários ao espírito e às regras promulgadas pela Constituição e pelas Convenções internacionais e regionais protectoras dos direitos humanos", acrescentou o responsável onusino.

29 Julho 2009 21:53:00


xhtml CSS