Recolha de resíduos sólidos na Praia

Praia- Cabo Verde (PANA) -- Um projecto de recolha de resíduos sólidos urbanos vai ser lançado oficialmente na próxima segunda-feira, na cidade da Praia, pela câmara municipal da capital cabo-verdiana, soube-se esta quarta-feira de fonte segura.
Trata-se de um projecto financiado pelo governo da Holanda, com um montante de cerca de 90 milhões de escudos cabo-verdianos (cerca de 818 mil Euros) e que, segundo o presidente da câmara municipal da Praia, Felisberto Vieira, tem como objectivo prioritário a protecção ambiental, nomeadamente através do combate ao lixo.
Graças a este apoio do governo holandês, o município da capital cabo-verdiana, confrontado com grandes e graves problemas de saneamento básico, passou a dispor de mais 600 contentores de diversos tamanhos e cinco camiões, o que vai permitir uma melhoria significativamente das condições para a recolha do lixo em toda a cidade, inclusive nos bairros degradados.
Para além da Holanda, a União Europeia solidarisou-se com o projecto, oferecendo um camião e mais 70 contentores de lixo, enquanto que outro parceiro, a UNICEF (Fundo das Nações unidas para infância), decidiu aderir ao projecto através de campanhas de sensibilização e mobilização da população.
Felisberto Vieira salientou que, com este projecto, não se vai ainda resolver definitivamente o problema da recolha e tratamento de resíduos sólidos no maior centro urbano do país.
Isso apenas será possível quando for possível articular a recolha do lixo com o projecto de um aterro sanitário que o governo pretende implementar para servir todos os municípios da ilha de Santiago, avisou.
A câmara municipal da Praia vai aproveitar a data de 13 de Janeiro, feriado nacional, para proceder ao lançamento do projecto de requalificação do bairro degradado da Várzea e à inauguração do novo parque de máquinas do município.
O dia 13 de Janeiro, que assinala o 12º aniversário das primeiras eleições pluralistas em Cabo Verde, será marcado também pela a assinatura de protocolos entre a câmara municipal e o Banco de Cabo Verde para o financiamento do projecto "Espaços Verdes da Cidade", que irá contribuir para o embelezamento da capital cabo-verdiana.

08 Janeiro 2003 20:34:00


xhtml CSS