Raptores libertam procurador militar de Trípoli sequestrado em março na Líbia

Tripoli, Líbia (PANA) - O procurador militar de Trípoli, Massoud al-Rahouma, raptado por desconhecidos a 15 de março último, na capital líbia, foi libertado esta quarta-feira, anunciou um membro da sua família.

"Meu pai chegou à casa após a sua libertação", anunciou Fadhel al-Rhouma, filho do procurador militar citado pelo jornal "al-Wassat".

O filho do procurador militar declarou que a libertação ocorreu às 07:00  locais (05:00 IMG), um final feliz de um dos episódios do fenómeno dos sequestros que está a aumentar na Líbia, devido à insegurança.

Procurador militar do Governo de Unidade Nacional em Trípoli, Massoud al-Rhouma foi raptado a 15 de março último por um grupo armado, na companhia do seu motorista e do seu guarda-costas quando voltava à sua para casa, localizada no bairro de Salaheddine, na capital líbia.

Massoud al-Rhouma assumiu as suas funções, em 2017, na sequência da sua nomeação pelo presidente do Conselho Presidencial do Governo de Reconciliação, Fayez al-Sarraj, na sua qualidade de comandante supremo das Forças Armadas, em  conformidade com o Acordo Político.

Esses raptos são às vezes perpetrados por milícias fortemente armadas que fazem lei na cidade de Trípoli, aproveitando o caos devido à ausência de órgãos de segurança do Estado.

Essas milícias recorrem aos sequestros para fazer pressão a fim de obter concessões ou para intimidar um oponente político.

-0- PANA BY/JSG/DIM/IZ 25abril2018

25 Abril 2018 17:23:46


xhtml CSS