Programa de pesquisa sobre malária lançado em Bamako

Bamako, Mali (PANA) – Um programa denominado "Desenvolvimento da Excelência em Matéria de Liderança e Formação em Genética para a Eliminação da Malária na África Subsariana (DELGEME –sigla em inglês)" foi lançado em Bamako, capital maliana, no termo dum ateliê de três dias encerrado quinta-feira última, soube a PANA segunda-feira de fonte autorizada.

De acordo a fonte adstrita ao Ministério maliano do Ensino Superior e Pesquisa Científica, o ateliê que reuniu pesquisadores africanos e parceiros visou nomeadamente a implementação de regras, normas e órgãos essenciais à boa governação e à execução ideal das atividades previstas no programa com formação a ser garantida por uma universidade maliana.

Este programa pretende contribuir para a formação de jovens africanos nas áreas da genética, da bioinformática e da biologia básica, centradas nomeadamente no parasita da malária.

Esta formação abrange os diplomados de diversas universidades de países-membros do DELGEME e cientistas de programas nacionais de luta contra a malária.

O programa que vai durar cinco anos deverá formar cerca de 100 pesquisadores em bioinformática dos quais 20 de nível de Mestre, 15 de nível de PhD, uma dezena de pós-doutorandos e uma meia dúzia de líderes neste domínio.

O ateliê internacional reuniu pesquisadores da Côte d’Ivoire, da Etiópia, do Gabão, do Quénia, de Madagáscar, da República Democrática do Congo, da Tanzânia, da África do Sul, de Angola, dos Camarões, de Cabo Verde, de Moçambique e do Mali e de instituições da Grã-Bretanha e da Alemanha.

-0- PANA GT/TBM/IBA/CJB/IZ 22ago2016

23 Agosto 2016 11:07:07


xhtml CSS