Processo de saída de crise bloqueado na Côte d'Ivoire

Abidjan- Côte d'Ivoire (PANA) -- O Presidente ivoiriense, Laurent Gbagbo, anunciou sexta-feira à noite a dissolução do Governo e da Comissão Eleitoral Independente (CEI), mantendo no entanto o actual primeiro-ministro, Guillaume Soro, no seu posto.
Soro é encarregue de propor um novo Governo e um novo formato da CEI até 15 de Fevereiro corrente.
O Presidente Gbagbo incumbiu ao próximo Governo a missão de implementar as últimas etapas do processo eleitoral.
incluindo a resolução do contencioso eleitoral e a organização das eleições.
Uma das consequências destas medidas é o bloqueio do processo de saída de crise que estava na sua última fase e o pretexto invocado para justificar estas decisões é o fracasso das negociações de Ouagadougou, nomeadamente na questão da lista eleitoral que levantou vivas polémicas, de acordo com observadores.
Uma reacção da oposição reunida no seio da Coligação dos Houphouetistas para a Paz e Democracia (RHDP) é esperada sábado enquanto as populações temem por "dias negros" na Côte d'ivoire, indica-se.
Após o anuncio destas medidas, tanques foram postados em lugares estratégicos da cidade de Abidjan, em prevenção de perturbações eventuais.

13 Fevereiro 2010 11:54:00




xhtml CSS