Primeira Volta Ciclista Internacional arranca no Burundi

Bujumbura, Burundi (PANA) - O chefe de Estado burundês, Pierre Nkurunziza, assistiu segunda-feira ao arranque da primeira Volta Ciclista Internacional ao Burundi que vai opor, até 15 de dezembro corrente, atletas burundeses (32), tanzanianos (sete), ugandeses (quatro) e quenianos (cinco).

Outros países da África Oriental convidados são o Rwanda e o Sudão do Sul mas estes não se fizeram presentes nesta competição a decorrer sob o signo da "promoção da paz, do turismo e da conservação do ambiente'.

A primeira etapa devia conduzir os atletas de Ngozi a Bujumbura, ou seja, 170 quilómetros.

As outras etapas são Bujumbura-Gitaza (60 quilómetros), Nyanza-Lac, ou seja uma distância de centena de quilómetros Bukirasazi-Cankuzop, uma centena de quilómetros.

Os atletas voltam sexta-feira a Gitega, no centro do país, onde termina a Volta, pela distribuição dos troféus e outros prémios aos melhores ciclistas da sub-região leste africana.

O programa da corrida prevê a plantação simbólica de seis árvores em cada uma das províncias atravessadas pelos ciclistas para simbolizar a unidade dos seis países-membros da Comunidade da África Oriental cuja divisa é "Uma Nação, um Destino Comum".

-0- PANA FB/JSG/MAR/IZ 11dez2017

11 Dezembro 2017 15:32:13


xhtml CSS