Presidente senegalês presta comovente homenagem à homologa liberiana

Dakar, Senegal (PANA) – O Presidente senegalês, Abdoulaye Wade, prestou uma comovente homenagemà sua homóloga liberiana, Ellen Johnson-Sirleaf, por ela ter conseguido mudar no seu país as mentalidades destruíídas por vários anos de guerra civil.

O Presidente senegalês prestou esta homenagem quando entregava o Prémio Africano de Excelência a favor do Género (African Gender Award 2011) à sua homóloga liberiana sexta-feira à noite na capital senegalesa.

"A senhora herdou um país completamente destruído (...) que soube reconstruir em tão pouco tempo", sublinhou Wade, felicitando a sua homóloga por ter conseguido substituir as armas por lápis e computadores.

Segundo ele, Ellen Jonhson-Sirleaf honra a Libéria, o continente africano e as mulheres de África e do mundo inteiro.

"Mais do que um símbolo, este prémio é fruto de sabedoria, lucidez, trabalho e compromisso para um nobre combate que é a causa do género", acrescentou o Presidente Wade.

o Prémio Africano de Excelência a favor do género foi atribuído pelo Centro Panafricano para o Género, Paz e Desenvolvimento (PAC) à margem da 4ª Conferência Internacional sobre a Paridade, que decorre sexta-feira e sábado em Dakar.

-0- PANA SIL/JSG/CJB/DD  18junho2011

18 Junho 2011 11:30:03


xhtml CSS