Presidente queniano saúda eleição de George Weah na Libéria

Nairobi, Quénia (PANA) - O Presidente queniano, Uhuru Kenyatta, felicitou o Presidente eleito da Libéria, George Weah, declarando que a sua vitória "é um triunfo da democracia" neste país da África Ocidental.

"As minhas calorosas felicitações ao Presidente eleito George Weah", escreveu o Presidente Kenyatta, quinta-feira, depois que os resultados mostraram que o antigo futebolista caminhava para uma ampla vitória.

"Um campeão em série enquanto jogador, a sua excelência e a sua persistência valem-lhe agora liderar o seu povo", afirmou, indicando que o Quénia vai acompanhar a Libéria tal como no passado no quadro da sua cooperação pan-africana.

Esta mensagem do chefe de Estado queniano levantou um novo debate sobre as presidenciais controversas no Quénia, que terminaram numa candidatura praticamente sem opositor de Kenyatta, a 26 de outubro de 2017.

Os que criticam Kenyatta por ter enviado uma mensagem de felicitações ao Presidente liberiano eleito acusam-no de não ter permitido à democracia exprimir-se no Quénia, durante as eleições deste ano.

O principal opositor de Kenyatta, Raila Odinga, declarou ter acedido aos servidores dos resultados oficiais da Comissão Eleitoral para o escrutínio de 8 de agosto passado, que mostram que o principal partido da oposição venceu-o em mais de um milhão de votos contra Kenyatta.

Segundo os detratores de Kenyatta, a vitória da democracia na Libéria passou pelo adiamento das eleições para permitir a reforma da Comissão Eleitoral.

O Presidente Kenyatta, cuja legimidade é ainda contestada no seu país depois das eleições de 26 de outubro deste ano, confirmou que não participará em negociações sobre a crise política no país e que o diálogo político será levado a cabo pelo seu Vice-Presidente, William Rugo, que prepara as eleições de 2022.

-0- PANA AO/VAO/FJG/IS/MAR/IZ 29dez2017

29 Dezembro 2017 19:56:25


xhtml CSS