Presidente francês homenageia escritor maliano

Paris, França (PANA) - O Presidente francês, François Hollande, prestou uma vibrante homenagem ao escritor maliano Moussa Konaté, falecido sábado em Limoges, no centro de França, segundo um comunicado de imprensa transmitido à PANA.

"Soube com pena do desaparecimento de Moussa Konaté. Ele consagrou toda a sua vida a melhor fazer conhecer o seu país, o Mali, através da literatura. Romancista, virado mais recentemente para o romance policial, editor e ensaísta, a sua obra é marcada pela sede de compreender África e fazer compreendê-la", escreveu o chefe de Estado francês.

Moussa Konaté vivia desde 1999 em Limoges. Nascido em 1951 em Kita, no Mali, ele era dramaturgo, romancista, editor, diretor do festival "Etonnants Voyageurs" em Bamako, mas igualmente ensaísta e artista.

O Presidente Hollande saudou os "seus esforços para desenvolver as pontes entre França e África", através do Festival da Francofonia e do Festival "Etonnants Voyageurs" no Mali.

Moussa Konaté escreveu cerca de 20 livros, incluindo romances policias e ensaios, cujo último é intitulado "L'Afrique noire est-elle maudite ?" (A África Negra está Amaldiçoada?).

-0- PANA BM/TBM/MAR/TON 03dezembro2013

03 Dezembro 2013 21:08:24


xhtml CSS