Presidente eleito do Senegal saúda maturidade do povo

Dakar, Senegal (PANA) - O ex-primeiro-ministro do Senegal, Macky Sall, disse que "o grande vencedor das eleições presidenciais é o povo senegalês", após a sua vitória na segunda volta diante do Presidente cessante, Abdoulaye Wade, domingo à noite em Dakar.

Na sua primeira declaração após as felicitações que lhe foram endereçadas pelo Presidente Abdoulaye Wade, Macky Sall saudou a calma e a serenidade que prevaleceram durante o escrutínio, considerando que a maturidade dos eleitores era um motivo de orgulho.

"Esta noite, um resultado saiu das urnas. O grande vencedor permanece o povo senegalês. Demostramos diante do mundo que a nossa democracia é maior", congratulou-se Sall, antes de homenagear "os mártires da democracia que perderam a vida para defender a nossa Constituição e a nossa democracia".

Prestando homenagem aos que votaram nele, aos seus aliados da primeira e da segunda voltas, aos seus camaradas das primeiras horas e às personalidades e organizações das forças vivas da nação como o Movimento do 23 Junho (M23) e os jovens do movimento "Y´en Marre", o Presidente eleito felicitou igualmente os que votaram no candidato Abdoulaye Wade, para dizer que será "o Presidente de todos os Senegaleses".

Confirmando, para o agradecer, que o Presidente Abdoulaye Wade o  telefonou para o felicitar, Macky Sall, de 51 anos, ex-presidente da Assembleia Nacional, "prestou homenagem merecida à imprensa que efetuou um importante trabalho, em condições difíceis".

"Durante todo o processo, quer a imprensa nacional como internacional, o seu papel foi determinante", sublinhou Sall.

Felicitando os cidadãos africanos e os dos outros continentes "pelo interesse que eles prestaram ao Senegal", o Presidente eleito reconheceu o trabalho dos observadores nacionais e internacionais "pela sua contribuição para o bom desenrolamento das eleições".

"A amplidão desta vitória numa espécie de prebiscito exprime a imensidão das expetativas das populações. Tomo toda a medida”, indicou.

« Esta noite, uma era nova começa para o Senegal. Juntos vamos rapidamente começar a trabalhar para a recuperação esperada por cada um e esperada de cada um”, acrescentou o novo Presidente senegalês.

-0- PANA SIL/JSG/MAR/TON 26março2012

26 Março 2012 13:35:33


xhtml CSS