Presidente do Malawi declara 10 distritos "zonas sinistradas" após inundações

Blantyre, Malawi (PANA) - O Presidente do Malawi, Peter Mutharika, declarou 10 dos 28 distritos do país "zonas sinistradas" depois das inundações devastadoras em quase toda a metade deste país da África Austral.

"Declaro estes distritos zonas sinistradas com efeito imediato", sublinhou, lançando um apelo à comunidade internacional e às ONG para ajudar as vítimas das inundações.

Segundo o Presidente Mutharika, pelo menos 23 mil pessoas estão desabrigadas depois das inundações e que as pessoas deslocadas necessitam imediatamente de abrigos, alimentos, medicamentos e roupas.

"O Governo não pode tudo fazer sozinho. Contudo, apelo a comunidade internacional para ajudar-nos rapidamente", declarou.

Entre os distritos afetados, figuram o de Mangochi, junto ao Lago Malawi, onde várias casas ficaram submersas a semana passada; o de Zomba, no leste onde várias pessoas foram mortas e casas destruídas durante o fim de semana e o do sul de Mulunje onde, terça-feira, nove pessoas morreram depois das inundações.

O Vice-Presidente do Malawi, Saulos Chilima e outros membros do Governo e jornalistas renunciaram a uma digressão prevista para constatar os danos no vale, porque o helicóptero que lhes foi afetado não conseguiu descolar devido ao mau tempo.

Segundo as estatisticas, no total, mais de 20 pessoas em todo o país morreram devido às inundações.

-0- PANA RT/AR/FJG/IS/MAR/IZ 14jan2015

14 Janeiro 2015 07:44:55


xhtml CSS