Presidente de partido no poder na Nigéria demite-se

Abuja, Nigéria (PANA) – O presidente do Partido Democrático Popular (PDP, no poder na Nigéria), Alhaji Bamanga Tukur, cedeu finalamente à pressão e demitiu-se do seu posto, soube-se de fonte oficial no local.

Segundo disseram quarta-feira fontes próximas da Secretariado Nacional do PDP, Tukur entregou a sua carta de demissão ao Presidente da República, Goodluck Jonathan, muito cedo de manhã, depois do voto de desconfiança organizado terça-feira contra ele por todos os 37 presidentes do PDP.

Quando a sua demissão foi anunciada aos membros do Comité Nacional de Trabalho (NWC, sigla em inglês), pararam rapidamente a sua reunião para se dirigir ao Palácio Presidencial onde o Presidente Jonathan deve informar o Congresso Nacional do partido sobre o assunto.

Fontes próximas do NWC indicam ter corrido para o Palácio Presidencial, não apenas para receberem a confirmação do Presidente, mas também para encontraram um consenso sobre quem vai assumir o interino.

Tukur cedeu a uma forte pressão para se demitir do cargo devido a uma crise latente observada no seio do partido e da sua incapacidade para controlar diversas correntes no partido.

-0- PANA MON/VAO/ASA/TBM/SOC/CJB/DD    17jan2014

17 Janeiro 2014 15:57:22


xhtml CSS