Presidente beninense na Cimeira da CEN-SAD no Tchad

Cotonou, Benin (PANA) – O chefe do Estado beninense, Thomas Yayi Boni, participará na Cimeira dos Chefes de Estado e de Governo da Comunidade dos Estados Sahelo-Sarianos (CEN-SAD) sábado em N’Djamena, a capital do Tchad, soube a PANA esta sexta-feira de fonte oficial.

A cimeira, a primeira após a crise líbia, vai realizar-se num contexto de guerra no Mali e deverá permitir discutir essencialmente questões de paz e segurança no espaço sahelo-sariano a fim de tomar medidas suscetíveis de garantir uma paz e uma estabilidade duradouras entre os países do espaço CEN-SAD.

Os chefes de Estado procederão igualmente à adoção das emendas aos textos fundamentais que regem a Comunidade e do Programa de Ações para os próximos anos.

Criada em fevereiro de 1998 em Tripoli, na Líbia, a CEN-SAD agrupa 28 Estados africanos. Ela está confrontada com uma multitude de desafios políticos, socioeconómicos, ambientais, humanitários e de segurança que o fragilizam.

A CEN-SAD integra 25 países da África do Norte, Ocidental, Oriental e Central, nomeadamente a Líbia, o Burkina Faso, o Mali, o Tchad, o Sudão, o Níger, a República Centro Africana, a Eritreia, o Senegal, a Gâmbia, Djibuti, o Egito, Marrocos, a Tunísia, a Nigéria, a Somália, o Togo, o Benin, a Libéria, a Guiné-Bissau, a Côte d'Ivoire, a Serra Leoa, o Gana, as ilhas Comores e a
Guiné Conakry.

-0- PANA IT/JSG/FK/TON 15fev2013

15 فبراير 2013 10:09:57




xhtml CSS