Polícia apreende 35 armas de fogo e 143 granadas no Burundi

Bujumbura, Burundi (PANA) - Pelo menos 35 armas de fogo e 143 granadas foram apreendidas, no Burundi, em operações de buscas realizadas pela Polícia durante o segundo trimestre deste ano, indica um relatório do Ministério burundês da Segurança Pública e Gestão de Catástrofes.

Segundo o relatório, foram também apreendidos 59 carregadores, oito mil e 591 cartuchos, duas minas antipessoal e diversos artigos militares e policiais.

As crises política e de segurança cíclicas no Burundi, das quais a mais recente remonta ao agitado ano eleitoral de 2015, estão na origem do armamento de civis, indicam observadores.

As apreensões no segundo trimestre deste ano foram feitas em quatro mil e 131 operações policiais de busca em todo o país, de acordo com a mesma fonte.

O relatório também regista mil e 206 casos de assaltos, incluindo oito assaltos à mão armada, 13 casos de abortos clandestinos, 113 casos de rebelião, 67 envenenamentos, seis suicídios e 177 casos de venda e consumo ilícito de narcóticos.

A Polícia nacional abriu cinco e 672 processos dos quais quatro mil e 786 foram encerrados e transmitidos aos tribunais competentes, enquanto outros mil 466 ainda estão em preparação.

Em relação aos danos humanos, o relatório lembra que 62 casos de assassinatos relacionados aos conflitos de terra foram registados durante o período em referência.

A Polícia burundesa intensificou ainda mais a luta contra o fabrico e o consumo de bebidas proibidas e estupefacientes.
narcóticos proibidos.

Foram apreendidos 15 mil e 675 litros de bebidas proibidas, 266 quilogramas de cânhamo, quatro mil e 393 embalagens de drogas diversas e 116 plantas de cânhamo arrancadas.

-0- PANA FB/JSG/DIM/IZ 20julho2018

21 Julho 2018 12:17:59


xhtml CSS