Peritos da Microsoft identificam investimentos em Angola

  Luanda- Angola(PANA)   -- Peritos da Microsoft estão desde segunda- feira, em Luanda, para tentar identificar com a Comissão angolana de Tecnologias de Informação projectos de impacto imediato para a intervenção da multinacional norte-americana de produtos informáticos, constatou a PANA em Luanda.
A missão dos especialistas da Microsoft em Angola é sequência de contactos mantidos entre as duas partes durante o fórum de líderes africanos sobre tecnologias de informação, realizado em Setembro na África do Sul, onde a gigante americana teria prometido investir, numa primeira fase, 10 milhões de dólares em projectos diversos em Angola.
   A Microsoft predispôs-se a apoiar o governo angolano na criação do seu portal electrónico, além de estabelecer parcerias com empresas  angolanas que possam tornar-se, no futuro, representantes oficiais dos seus produtos no país.
   Na conferência de Setembro, Angola esteve representada por uma delegação chefidada pelo ministro da Comunicação Social, Hendrick Vaal Neto, e integrada também pelo vice-ministro da Ciência e Tecnologia, Pedro Teta, que anunciou, na ocasião, que o seu governo iria investir nos próximos 10 anos cerca de 300 milhões de dólares em projectos de desenvolvimento das novas tecnologias de informação.
O plano do governo angolano contempla a criação do seu portal na Internet, o lançamento do governo electrónico e a massificação da Internet, segundo ainda Pedro Teta.

04 Novembro 2003 12:10:00


xhtml CSS