Painel do Conselho de Segurança supervisiona embargo à Somália

Nova Iorque- ONU (PANA) -- Na tentativa de fazer cumprir o embargo de armas à Somália, membros do Comité do Conselho de Segurança das Nações Unidas que supervisiona as sanções vão efectuar, a partir de 12 de Outubro, uma visita de duas semanas ao Corno de África.
O presidente do Comité, o ambaixador da Bulgária Stefan Tafrov, vai liderar o Painel, que incluirá também peritos dos 15 países membros do Conselho de Segurança, segundo um comunicado das Nações Unidas.
A missão deverá visitar o Djibuti, Egipto, Eritreia, Etiópia, Iémen e a Somália caso hajam condições de segurança.
A delegação vai avaliar a capacidade dos Estados da região para implementarem o embargo de armas e monitorar as suas fronteiras terrestres, aéreas e marítimas e encorajá-los a fazerem cumprir as sanções nos seus países.
Os peritos vão igualmente solicitar a contribuição dos Estados sobre as formas de serem tomadas medidas prácticas e concretas para reforçar o embargo, sublinha o comunicado.

01 Outubro 2003 10:42:00




xhtml CSS