PAM doa $ 700 milhões ao Sudão

Cartum, Sudão (PANA) - O Programa Alimentar Mundial (PAM) prevê estimular o desenvolvimento no Sudão nos próximos dois exercícios através duma doação de 700 milhões de dólares americanos, segundo um relatório publicado esta quinta-feira pela Agência Sudanesa de Notícias (SUNA).

A SUNA declarou que o diretor nacional do PAM no Sudão, Adnan Khan, encontrou-se com o sub-secretário de Estado sudanês para os Negócios Estrangeiros, Abdul Ghani Al-Naem, a quem entregou o plano que define a passagem da « ajuda alimentar humanitária » para « ajuda ao desenvolvimento » nas zonas identificadas pelo programa, nomeadamente nos Estados de Darfur destruídos por um conflito.

O diretor nacional do PAM afirmou que a sua organização colaborará com os Ministérios da Saúde, da Agricultura e dos Assuntos Sociais, bem como pela Comissão da Ajuda Humanitária para a execução deste plano.

O sub-secretário sudanês dos Negócios Estrangeiros saudou a chegada do novo plano e afirmou a vontade do seu Governo de cooperar com a PAM.

O Sudão lançou recentemente um apelo às Nações Unidas e outros doadores de fundos internacionais para converter a sua ajuda que representa assistência humanitária e alimentar efémera em assistência de desenvolvimento sustentável nas zonas que estão expostas à guerra civil.

O Governo afirmou que a principal razão dos problemas prevalecentes nestas zonas é a falta  de desenvolvimento e que uma vez os programas de desenvolvimento executados de forma apropriada a situação vai voltar à normalidade.

-0- PANA MO/VAO/AKA/FK/TON  09julho2015

09 Julho 2015 16:35:50


xhtml CSS