OIF mantém 14ª Cimeira na RD Congo

Paris, França (PANA) - A Organização Internacional da Francofonia (OIF) pretende manter a organização da sua 14ª Cimeira prevista de 13 a 14 de outubro próximo em Kinshasa, a capital da República Democrática do Congo (RDC), apesar das incertezas sobre a participação do Presidente francês, François Hollande, e da desistência do primeiro-ministro belga, Elio di Rupo, soube quinta-feira em Paris a PANA.

Num comunicado divulgado no termo da 85ª sessão do seu Conselho Permanente (CPF), a OIF nota progressos satisfatórios nos preparativos da Cimeira de Kinshasa que tem como tema "Francofonia: Desafios Ambientais e Económicos Face à Governação Mundial".

"Os representantes da comunidade francófona reunidos no CPF reiteram o seu engajamento e a sua mobilização para a boa organização desta primeira Cimeira da Francofonia na África Central", sublinharam os representantes dos chefes de Estado e de Governo dos países membros da OIF.

Vários apelos foram lançados nos últimos dias pelos partidos de oposição e pela sociedade civil da RDC para obter a deslocalização da Cimeira de Kinshasa, em sinal de protesto contra as eleições legislativas e as presidenciais controversas de novembro passado.

Os apoiantes da transferência da Cimeira justificam igualmente o seu pedido pelas alegadas violações repetidas dos direitos humanos na RD Congo, nomedamente os assassinatos de defensores dos direitos humanos e de jornalistas.

-0- PANA SEI/TBM/IBA/MAR/TON 29junho2012

29 Junho 2012 10:11:59




xhtml CSS