ONU requer maior apoio ao embargo de armas à Somália

Nova Iorque- ONU (PANA) -- O Conselho de Segurança das Nações Unidas solicitou um maior apoio internacional para reforçar a implementação do embargo de armas à Somália.
A solicitação foi feita depois do órgão das Nações Unidos ter sido informado de que a falta dum governo central na Somália tinha dado oportunidade à actividades de organizações terroristas internacionais no país.
"Os membros do Conselho ressaltaram os riscos do fluxo contínuo dos fornecimentos de armamento e munições à Somália para a estabilidade e segurança numa região mais extensa de África e apelaram para que se façam esforços regionais sustentados e uma cooperação para a melhoria da supervisão e implementação do embargo de armas à Somália", indicou o Conselho num comunicado divulgado quarta-feira.
O presidente do Conselho para o mês de Dezembro, o embaixador Stefan Tafrov da Bulgária, que leu o comunicado, disse que "os membros do Conselho sublinharam a necessidade duma abordagem unida e um maior apoio da comunidade internacional para reforçar a implementação do embargo de armas à Somália".
O diplomata instou os países vizinhos a cumprirem integralmente com as suas obrigações nos termos das relevantes resoluções do Conselho de Segurança.

04 Dezembro 2003 09:59:00




xhtml CSS