ONU insta França a julgar seus soldados acusados de abusos sexuais contra crianças na RCA

Nova Iorque, Estados Unidos (PANA) – O presidente do Comité dos Direitos Humanos das Nações Unidas, Fabian Salvioli, exortou sexta-feira última França a fazer com que seus soldados responsáveis por supostas violações sexuais contra menores na República Centroafricana (RCA) sejam julgados.

Um comunicado das Nações Unidas, transmitido à PANA em Nova Iorque, anuncia que a recomendação figura entre questões abordadas pelo Comité durante a sua sessão em Genebra  (Suíça) para avaliar a forma como França e seis outros Estados-membros da Organização das Nações Unidas (ONU) aplicam o direito internacional.

Nas suas observações finais sobre França, o Comité declarou ter abordado a questão das alegações dos abusos sexuais contra crianças por parte de soldados franceses na RCA, enviados a este país para ajudar soldados da paz da União Africana (UA) em 2013 e 2014.

Declarou que, com resposta, a delegação francesa indicou ter tido em conta o caso e que um inquérito estava em curso neste sentido.

No comunicado, Salvioli afirmou que "a delegação francesa declarou estar a estudar a questão e reconhecer também que é um problema grave".

Também se comprometeram a empreender ações judiciais, sublinhando no entanto precisar de mais informações, de acordo com o presidente do Comitê dos Direitos Humanos da ONU.

Informou igualmente que a sua instituição pediu-lhes mais informações no mesmo contexto num espaço de um ano a fim de poder examinar a questão.

-0- PANA AA/AR/MTA/BEH/FK/DD  25julho2015

25 Julho 2015 08:23:11




xhtml CSS