Nove candidatos disputam presidenciais nos Camarões

Yaoundé, Camarões (PANA) - Nove candidatos vão disputar as eleições presidenciais de 7 de outubro próximo, nos Camarões, segundo a lista divulgada pelo presidente do Conselho Eleitoral dos Camaões (EIECAM), Enow Abrams Egbe.

Segundo o presidente do órgão encarregado da organização do escrutínio, 28 processos de candidatura deram entrada no ELECAM, dos quais 18 foram rejeitados por "diversos motivos" com base nas disposições do Código Eleitoral.

Isaac Fezeu, um dos candidatos e presidente do Movimento para a Emergência e o Despertar do Cidadão (MERCI),  retirou-se do processo.

Entre os candidatos cujos processos foram aceites, figura o Presidente cessante, Paul Biya, da Coligação Democrática do Povo Camaronês (RDPC), à frente dos Camarões há 36 anos.

Os outros candidatos são Maurice Kamto, advogado e antigo ministro e presidente do Movimento para o Renascimento dos Camarões (MRC); Josua Mambangi Osih, da Frente Social Democrática (SDF), partido líder da oposição camaronesa desde 1992; e Akere Muna Tanbeng, da Frente Popular para o Desenvolvimento  (FPD).

Há igualmente o antigo ministro Adamou Ndam Njoya, da União Democrática dos Camarões (UDC); Cabral Libii Ngue, do partido Unvers; Garga Haman Adji, antigo ministro e presidente da Aliança  para a Democracia e Desenvolvimento  (ADD); Serges Espoir Matomba,  de Povos Unidos para a Renovação Social (PURS); e Ndifor Afanwi Frankline, do Movimento Cívico Nacional Camaronês (MCNC).

-0- PANA EB/JSG/MAR/IZ 7agosto2018

07 Agosto 2018 18:55:03


xhtml CSS