Nigeriano chefia Missão da União Africana em Darfur

Abuja- Nigéria (PANA) -- O ex-comandante das forças da Missão Oeste- Africana na Libéria (ECOMIL), o nigeriano Festus Okonwo, chefia a Missão de Observação da União Africana no oeste do Sudão, de acordo com uma fonte militar oficial.
Esta mesma fonte declarou à PANA, em Abuja, que o general de brigada de 53 anos assumiu as funções há duas semanas.
A Missão de observação em Darfur tem como objectivo ajudar a vigiar a aplicação do acordo de cessar-fogo entre Cartum e os combatentes rebeldes e facilitar igualmente o encaminhamento da ajuda humanitária.
A Nigéria está mandatada pela UA para dirigir outros desdobramentos de tropas em África, devendo ainda enviar 120 soldados a pedido da organização continental para participar na missão, confirmou o porta- voz do Exército nigeriano, o coronel Emeka Onwuamaegbu.
"Uma companhia (120 soldados) está a ser mobilizada actualmente e uma vez terminadas as formalidades pelas autoridades competentes, o desdobramento será imediato".
A Nigéria interessa-se particularmente pelo financiamento das modalidades que serão asseguradas quer pela UA quer pela Organização das Nações Unidas (ONU).
O conflito na região de Darfur, qualificado pela ONU como sendo a maior crise humanitária actual no mundo, provocou milhares de mortes e dezenas de milhares de deslocados.

04 Julho 2004 11:09:00




xhtml CSS