Níger acolhe Festival Internacional da Moda Africana

Niamey, Níger (PANA) – A oitava edição do Festival Internacional da Moda Africana (FIMA) terá lugar de 23 a 27 de novembro de 2011 em Niamey, anunciou quarta-feira o seu promotor, o estilista nigerino Alphadi, durante uma conferência de imprensa.

Para esta oitava edição do FIMA, o grande desfile de moda terá lugar em Pilule, uma praia de Niamey, a cerca de 10 quilómetros da capital à beira do rio Níger, indicou Alphadi.

O FIMA é uma homenagem ao mundo negro e à sua diáspora, segundo Alphadi que precisou que a edição de 2011 vai abrir um espaço para a arte africana com encontros entre vendedores e compradores da alta costura, da escultura, da pintura e da joalharia africanas.

« Haverá igualmente concursos de jovens estilistas e de top model. O FIMA será além disso um espaço de ensino e de intercâmbios entre as grandes escolas de moda ocidentais e africanas », anunciou o seu promotor.

Criadores de renome vindos de todos os continentes, bem como altas personalidades políticas africanas são esperadas durante o FIMA.

O primeiro-ministro nigerino, Brigi Rafini, garantiu a Alphadi o apoio do Governo.

« Alphadi e o seu produto (o FIMA) honram o nosso país e toda a nação nigerina deve dar-lhe o seu apoio », indicou.

"O Níger deve dispor dum evento de envergadura que marca a sua presença como o FESPACO (Festival Pan-africano do Cinema e Televisão de Ouagadougou), o MASA (Mercado das Artes do Espetáculo Africano (MASA) em Abidjan", considerou Alphadi.

Segundo o promotor do FIMA, o evento reúne em cada edição cerca de cinco mil pessoas e produz 20 a 40 biliões de francos CFA (um dólar americano equivale a cerca de 452 francos CFA).

Os setores do turismo, do artesanato, dos transportes, da restauração e da hotelaria são os que arrecadam mais benefícios do FIMA.

-0- PANA SA/JSG/MAR/TON 27julho2011

27 Julho 2011 13:56:51


xhtml CSS