Negociações de paz sobre Darfur retomam este mês

Cartum- Sudão (PANA) -- As negociações de paz entre o governo sudanês e os dois principais grupos rebeldes na conturbada província oeste-sudanesa de Darfur devem retomar no fim deste mês, anunciou domingo um alto funcionário governamental em Cartum.
O secretário político do Congresso Nacional (partido no poder), Magzoub Al Khalifa, disse que a União Africana (UA) ja informou Cartum da retomada das negociações suspensas no ano passado quando as partes em conflito trocavam acusações sobre a violação do acordo de cessar-fogo assinado em N'djamena, capital tchadiana.
"O governo do Sudão está pronto para adoptar uma solução pacífica para o conflito de Darfur se os movimentos rebeldes mudarem as suas posições de estereotipo", disse Khalifa sem, no entanto, precisar a data da retomada das conversações.
Khalifa notou que a UA foi capaz de manter a segurança e estabilidade em Darfur, onde o Movimento de Libertação do Sudão (SLM) e o Movimento da Justiça e Igualdade (JEM) lutam contra as tropas governamentais pela partilha do poder e de riquezas na região.
Apelou para o apoio técnico aos esforços de paz da UA e reiterou a rejeição pelo governo sudanês de qualquer intervenção estrangeira não africana na crise.
Khalifa, que presidiu à delegação do governo nas negociações com o SLM e com o JEM em Abuja, capital nigeriana, declarou que a situação humanitária da região "está actualmente a melhorar".
De acordo as agências de assistência humanitária das Nações Unidas, pelo menos 70 mil pessoas morreram e mais de um milhão de outras estão espalhadas por campos de deslocados e de refugiados desde o início da guerra em Darfur, em Fevereiro de 2003.

21 Fevereiro 2005 08:42:00




xhtml CSS