Negociações de paz sobre Darfur prosseguem na Líbia

Sirtes- Líbia (PANA) -- As negociações finais de paz para a conturbada província de Darfur (oeste do Sudão) prosseguiram domingo em Sirtes (centro da Líbia) no quadro de sessões de consulta à porta fechada.
A sessão de domingo reuniu os chefes dos negociadores da União Africana (UA) Sam Eybouk, e das Nações Unidas, Tchan Prook Zaheyou, os representantes da delegação do Governo sudanês e os movimentos da rebelião presentes em Sirtes, bem como os delegados dos países vizinhos (Líbia, Egipto, Tchad e Eritreia).
O porta-voz da equipa de apoio à mediação comum da UA e Nações Unidas, Georges Ola, indicou que as negociações prosseguirão em várias etapas com vista a presentar propostas relativas aos quatro eixos alvo de discussão, incluindo a partilha das riquezas, do poder e da terra bem como a questão de segurança.
Acrescentou que a sessão de consulta à porta fechada realizada domingo, na presença da equipa de apoio à mediação comum e de todas as partes, insistiu na partilha do poder e permitiu fazer uma síntese geral sobre as questões de negociação.
Ola precisou que o grupo conjunto das Nações Unidas e UA que se encontra actualmente em Juba (sul do Sudão) vai reunir-se segunda- feira com os representantes dos movimentos rebeldes que ainda não se deslocaram a Sirtes para consultas e negociações.
Afirmou que as negociações de Sirtes que se realizam à porta fechada decorrem com passos seguros e constantes.
Uma delegação das Nações Unidas e da UA (medianeiros) partiu no fim- de-semana passado para Darfur e Juba com vista a reunir-se com alguns líderes dos movimentos rebeldes que ainda não vieram a Sirtes.
O Objectivo é ouví-los e convidá-los a participar nestas negociações.
As negociações sobre a paz em Darfur entre o Governo sudanês e os movimentos rebeldes não signatários do Acordo de Paz de Abuja iniciaram-se a 27 de Outubro de 2007 em Sirtes na Líbia.
A sessão de abertura deste encontro foi marcada por uma intervenção do chefe de Estado líbio Muamar Kadafi durante a qual analisou a situção na conturbada província de Darfur, bem como a proclamação pelo Governo sudanês dum cessar-fogo unilateral em todas as localidades de Darfur.

05 Novembro 2007 09:52:00




xhtml CSS