Mulher eleita presidente do Tribunal Internacional de Justiça

Dakar- Senegal (PANA) -- A juíza britânica Rosalyn Higgins foi eleita segunda-feira presidente do Tribunal Internacional de Justiça (TIJ) para um mandato de três anos, indica uma nota desta jurisdição sediada em Haia (Holanda).
Higgins, primeira mulher eleita à frente do tribunal, será ajudada pelo juiz jordano Awn Shawkat Al-Khasawneh, eleito vice-presidente para um mandato de três anos.
O TIJ, composto por 15 membros, é o principal órgão judicial das Nações Unidas encarregue de resolver os diferendos entre os Estados.

08 Fevereiro 2006 12:20:00


xhtml CSS